Buscar
  • Éllen Borges

A você, o meu aplauso!

(Desabafo em forma de poesia)!

Interessante como a vida sempre coloca um ponto final

em determinadas histórias!

E mais uma vez, outro ciclo se fechou

alterando o rumo da minha trajetória.

Entenda:

Nem todos que dizem nos amar

estarão ao nosso lado quando precisamos...

Ao contrário, alguns dirão até que você está se vitimizando.

Nem todos que se dizem amigos,

estarão com você nos piores momentos.

Muitos julgarão os seus atos, irão menosprezar

os seus problemas e minimizar os seus sentimentos.

Enquanto você os fizer sorrir e os amparar,

a sua amizade servirá.

Contudo, quando a situação apertar e a depressão o afundar,

muitos dirão que "com você não dá para conviver"...

e que "é um fardo ao seu lado ficar"...

Assim, simplesmente da sua vida irão partir,

mas afirmando que "foi você quem os afastou de si"...

Quando isso acontecer, vai doer.

Quando de você alguém se afastar,

(se for sensível como eu), provavelmente irá chorar!

E mais uma vez você não compreenderá onde errou,

pois a esta amizade realmente se entregou...

E escondido em seu quarto, irá chorar

pedindo para essa dor logo passar...

Sabe, poucos conseguirão lhe olhar com amor, empatia

e apesar dos seus momentos de luta, queda e tristeza,

permanecerão ao seu lado.

Então... a esses poucos,

eu agradeço

a paciência,

o carinho,

a atenção,

as orações,

e o cuidado...

A vocês dedico o meu amor

e ofereço humildemente o meu aplauso!

.

.

.

(E a quem partiu, também agradeço

pelo tempo que se dispôs em estar ao meu lado)!

Fonte das Fotos: Canva.com


106 visualizações2 comentários
© 2019 por Éllen Borges.
Site criado por Gustavo Muniz